fbpx

Tipo assim

Foto Revista Auto Esporte

Reestilização do hatch acompanha chegada da versão mais potente do 1.0 Firefly que equipará os modelos nacionais

A Fiat revelou na Europa a última atualização do Tipo, hatch médio que substitiu o Bravo na região. E, apesar de ser quase 37 cm maior, o modelo herdou algumas novidades do novo Argo brasileiro — além de antecipar uma esperada novidade da marca no Brasil.

A grande diferença por fora estão nos novos para-choques, faróis e grade com o logotipo renovado da Fiat. Por lá, porém, o Tipo não carregará as barras que simulam a bandeira italiana e que estrearam por aqui na nova Strada. Os faróis agora podem ser de LED e adiantam como será a primeira reestilização profunda do Argo: o hatch mineiro também terá a tecnologia nas versões mais caras.

Por dentro as duas grandes novidades são um novo sistema multimídia com tela de 10 polegadas e um quadro de instrumentos digital customizável de 7″. E se você curtiu o estilo, temos uma boa novidade: o mesmo painel digital equipará a nova Fiat Toro, segundo o site Autos Segredos.

Multimídia com tela de 10″ polegadas e quadro de instrumentos digital de 7″. Foto Revista Auto Esporte

Outra melhoria do Tipo que está confirmada para o Brasil é o motor Firefly turbo. O hatch usará a versão 1.0 12V do propulsor, capaz de chegar aos 100 cv e 19,4 kgfm. Por aqui é possível que o conjunto receba um incremento, especialmente de potência, para se aproximar dos 128 cv e 20,4 kgfm do Polo TSI. Segundo uma fonte da fábrica, o Firefly turbo nacional terá mais tecnologias que seu par europeu.

A linha 2021 recebeu a inclusão da versão aventureira Cross, com o mesmo estilo do Argo Trekking. Por lá os apliques nos para-choques e para-lamas são acompanhados de ajustes na suspensão para deixar o carro 4 cm mais alto. A adição complementa a gama que inclui um sedã e (suspiro de inveja) uma perua.

O pacote de tecnologias agrega o que é esperado para o segmento na Europa, com frenagem autônoma de emergência (AEB), assistente de manutenção de faixa e leitor de placas. Por aqui é possível que parte dos equipamentos façam sua estreia na Fiat com a Toro 2022, com o Argo recebendo os itens em sua próxima reestilização.

Por Rodrigo Ribeiro – Revista Auto Esporte

%d blogueiros gostam disto: