fbpx

Que venha mais

Imunizante desembarcou em Campinas/SP. Foto ANSA

Maior lote de doses da vacina Coronavac chega ao Brasil

O governo de São Paulo recebeu nesta quinta-feira (24) o maior lote da Coronavac, vacina desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. Ao todo, 5,5 milhões de doses desembarcaram no aeroporto internacional de Viracopos, em Campinas.

A carga é composta por 2,1 milhões de doses já prontas para aplicação e mais 2,1 mil litros de insumos, equivalentes a 3,4 milhões de doses que serão envasadas na fábrica do Butantan, na capital paulista.
As doses chegaram por volta de 5h30 da manhã em um voo da China que fez escala na Suíça e saíram do local com destino a São Paulo às 7h30 . O desembarque no Brasil foi acompanhado pelo secretário de Saúde do estado, Jean Gorinchteyn, e pelo diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas.

“São Paulo recebe, na véspera do Natal, mais 5,5 milhões de doses da vacina do Butantan, representando o maior lote já desembarcado no Brasil”, afirmou o governador João Doria no início da semana. “Com isso, São Paulo terá até 31 de dezembro, ainda este ano, 10,8 milhões de doses da vacina contra a Covid-19 em solo brasileiro”, acrescentou.
O Plano Estadual de Imunização está previsto para ter início no dia 25 de janeiro. No entanto, a vacina ainda precisa de aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). A expectativa é de que outros dois carregamentos cheguem ao país na próxima semana, nos dias 28 e 30 de dezembro, totalizando 10,8 milhões de doses.

A maior carga desembarca no Brasil um dia depois do governo de SP adiar novamente a divulgação da taxa de eficácia exata da vacina, após os testes clínicos da fase 3. Apesar disso, o governo de SP anunciou que o imunizante apresentou segurança e eficácia suficientes. (ANSA)

Por Ansa

%d blogueiros gostam disto: