fbpx

MS apresenta queda na taxa de contágio pelo covid-19

brown wooden table and chairs
O toque de recolher foi uma das medidas impostas que contribuíram para a diminuição da taxa de contágio. Foto Unsplash

Redução se deve às medidas mais rígidas adotadas pelo governo do estado

Três semanas após o decreto do Governo do Estado que fechou o comércio não essencial e restringiu a mobilidade da população por 10 dias com objetivo de frear a pandemia que vinha batendo recordes em Mato Grosso do Sul no final do mês de março, os resultados dessas duras medidas começam a aparecer.

Os dados apresentados pela Secretaria de Estado de Saúde na última semana mostram redução de indicadores importantes no controle da doença. “Temos dados que nos aliviam, a taxa de contágio, que é um referencial importante para que possamos mensurar o crescimento da doença, decaiu abaixo de 1,01%. Isso é sinal que a doença começa a decrescer. Isso nos alegra porque é fruto do decreto que fizemos e está tendo resultado agora”, destacou o secretário de saúde, Geraldo Resende na live de segunda-feira (26).

A diminuição da taxa de contágio consequentemente reduziu o número de casos confirmados de Covid nas semanas seguintes. Conforme mostra o gráfico abaixo, a semana 16 fechou com 3.284 casos a menos que a semana 13 que bateu recorde e também motivou as medidas restritivas no Estado.

Nos dados consolidados do mês, por enquanto abril acumula 29.640 novos casos, enquanto o mês de março fechou com 34.070 novos positivos para a doença.

A secretária adjunta da saúde, Christine Maymone celebrou a diminuição da taxa de contágio no fechamento da 16° semana da pandemia que compreende o período de 18 a 24 de abril, mas ponderou que o número de óbitos segue elevado e Mato Grosso do Sul caminha para fechar o pior mês da pandemia.

“O recorde histórico foi na 14° semana que foi 397, e na semana 16 tivemos 305. Mas não estamos diminuindo o número de óbitos. Se você acompanha o nosso boletim, nos casos consolidados em março tivemos 1.077 óbitos, e agora em abril que ainda não terminamos, estamos com 1.142 óbitos”, alertou.

Prosseguir

Nesta quarta-feira (28) o Governo do Estado atualiza o mapa situacional dos municípios de Mato Grosso do Sul no Programa de Saúde e Segurança da Economia (Prosseguir) para o período de 29 de abril a 12 de maio.

A atualização pode modificar o toque de recolher recomendado para as 79 cidades do Estado conforme sinalizam as bandeiras atribuídas a cada cidade, seguindo o decreto estadual n° 15.644.

A apresentação do novo mapa ocorrerá durante live da saúde transmitida via redes sociais do Governo do Estado a partir das 10h30.

Por Mireli Obando/Subcom

%d blogueiros gostam disto: