fbpx

Boas energias no escritório

Você trabalha em um escritório? Se a resposta é sim, você provavelmente tem a sua própria mesa e deseja que ela seja um espaço com a sua cara, não é? Para decorá-la, aposte em plantas domésticas. Além de trazer boas energias ao ambiente – qualidade inerente às plantas –, elas vão ajudar a purificar o ar e, com o vaso certo, podem adicionar estilo ao seu espaço de trabalho, seja em casa ou fora.

Espada-de-São-Jorge

Definitivamente versáteis quando o assunto é a luz, as espadas-de-são-jorge preferem uma iluminação média (cerca de 3 metros de distância das janelas), mas também toleram luzes baixas e altas. Certifique-se de mantê-las longe do sol, porque as folhas podem queimar em um piscar de olhos.

Quanto à rega, não exagere porque a planta pode apodrecer. Garanta que o solo esteja quase completamente seco antes de fazer uma nova rega (que deve acontecer a cada 2 ou 6 semanas, dependendo da temperatura do seu escritório, níveis de luz e umidade. Portanto, se você viaja ou tende a ignorar as plantas, esta é uma das espécies perfeitas para você.

Por isso gostamos delas: essas belezas espetadas suportam quase tudo. Elas lidam bem com o ar seco e vêm em uma ampla variedade de cores, padrões, formas e tamanhos de folhagem.

Jibóia

A luz moderada é a ideal para a jibóia, principalmente aquelas com variegação – zonas de coloração diferente – nas folhas. Apesar de tolerar pouca luz, não crescem muito dessa forma. A Jade Pothos, com a sua folhagem verde sólida, lida melhor com condições de pouca luz.

Na rega, deixe o solo quase secar antes de molhar novamente a planta. Como regra, faça-o a cada 7 a 10 dias no verão e a cada 14 dias no inverno.

Além de serem fáceis de manter, as jibóias são fáceis de encontrar e dificilmente pesarão no bolso. Como são plantas rasteiras, se certifique de que há espaço em sua mesa para que elas se espalhem e fiquem penduradas.

Lírio-da-paz

Os lírios-da-paz preferem luz moderada ou média, mas precisam de luz mais forte para induzir a floração. Além disso, essa é uma planta que gosta de rega regular. A parte superior deve estar relativamente seca antes de receber água novamente. Nunca deixar secar completamente porque as folhas, caules e flores ficam moles.

É melhor comprar o seu lírio-da-paz com flores e botões porque pode ser complicado fazê-los florescer novamente dentro de casa ou do escritório.

Aloe Vera

Em ambientes internos, a Aloe Vera requer o máximo de luz possível. Como outras suculentas, se essa espécie não receber a luz que precisa, as suas folhas cairão. Apenas certifique-se de mantê-la longe do vidro quente da janela.

Não importa onde você a tenha cultivado, espere que a sua Aloe Vera seque quase toda antes de regar novamente. Regue bem e garanta que toda a água escoe. Dentro de casa, regue uma vez por mês. No inverno, ela pode precisar de ainda menos água, talvez uma vez a cada 4-8 semanas.

Além de divertidas e fáceis de cuidar, essas plantas podem te ajudar em caso de alguma emergência, como irritação na pele. Basta cortar uma folha e usar o gel cicatrizante!

Bromélias

Para cuidar das bromélias, garanta uma luz agradável a elas, mas sem períodos prolongados de sol quente direto. Se a luz estiver muito baixa, as flores não abrirão corretamente. Lembre-se também que elas gostam de uma boa rega todos os meses. Você pode manter o vaso cerca de 1/4 cheio de água. Se o vaso ficar cheio, a planta pode apodrecer.

Orquídea borboleta

Requisitos de luz: certifique-se de que a luz para sua orquídea seja a mais brilhante possível, mas sem qualquer sol direto. Pense em uma estufa que tem muita luz natural, mas o vidro é caiado para difundir os raios diretos do sol – essa é a exposição que elas adoram. Essa luz natural indireta é necessária para que os botões das flores fechadas se abram.

Rega: essas orquídeas não são tão delicadas quanto você pode imaginar. Regue-as a cada 7-10 dias e, como todas as outras plantas, deixe a água escorrer completamente do vaso.

As flores da orquídea borboleta são fascinantes, lindas e intrigantes. Eles vêm em uma grande variedade de cores e são definitivamente um belo espetáculo de se ver. É uma ótima opção para quem quer deixar o escritório mais delicado e alegre.

Bambu-da-sorte

O Bambu-da-sorte se dá muito bem com luz forte. Ele tolera níveis de luz mais baixos muito bem, mas não vai crescer muito. Certifique-se de não colocá-lo sob o sol quente e direto, pois isso vai queimá-lo.

Além disso, garanta que a água cubra completamente as raízes dos caules ou arranjos. Adicione um pouco de água conforme necessário, a cada 7-21 dias dependendo da temperatura. Se a água estiver com cheiro ruim, troque-a. Essa planta prefere água destilada à água da torneira com muito cloro e minerais.

O Bambu-da-sorte pode tanto crescer em água quanto em uma mistura de solo. É ótimo para começar na jardinagem, porque é fácil de cuidar.

Fonte Casa.com.br

%d blogueiros gostam disto: